30 de novembro de 2012

Mensagem de Natal

Desejo-Vos um Bom Natal cheio de ALEGRIA.
Um xi-coração para todas as crianças que ano após ano partilham comigo as suas festinhas.

28 de novembro de 2012

26 de novembro de 2012

25.500º Visitante

Obrigada

Aniversário da Francisca

Um beijinho para a Princesinha Francisca e obrigada aos papás.

18 de novembro de 2012

Rihanna - Diamonds



Gosto mesmo de ouvir e dançar esta música, acho que tem um ritmo muito bom...

Hoje é dia de fazer Bolos e Scones

Hoje, Domingo, é dia de Cozido à Portuguesa para o almoço e para sobremesa Arroz Doce.
Entretanto já tenho tudo preparado para fazer um Bolo de Chocolate e Scones para o Lanche.
Nham... Nham... mais daqui a pouco coloco as receitas todinhas, agora vou almoçar!

16 de novembro de 2012

Bora lá dançar...



E porque hoje chove imenso e o dia está muito cinzento, mas estou feliz :o)
Partilho esta músiquinha... let´s dance!

O Gonçalo Franco conseguiu!

Ontem, quando cheguei a casa, recebi uma notícia maravilhosa, o meu filho "gritou" do seu quarto: Mãe, o Gonçalo conseguiu!
O Gonçalo conseguiu um dador.
Estou tão feliz.
Beijinhos Ana Claudia e Gonçalo marcaste um cesto de 3 pontos!

"GRANDE CESTO GONÇALO :)
 
OBRIGADA PELO EXEMPLO DE FORÇA E CORAGEM QUE NOS DESTE.
OBRIGADA TAMBÉM AOS TEUS PAIS. NÓS VAMOS CONTINUAR AQUI DO TEU LADO ATÉ ESTARES 100% BOM.
DEPOIS FAZEMOS UMA FESTA AINDA MAIOR QUE A QUE JÁ ESTAMOS CADA UM EM SUA CASA A FAZER.
ACREDITA QUE SÃO MUITOS QUE ESTÃO FELIZES POR VOÇÊS.
BEIJINHO E CONTINUA ASSIM, CAMPEÃO ♥"
Mariana Alarcão
 
"Puto, depois de isto tudo passar e de ficares bom - que está quase - faz-me um grande favor. Tira tempo da tua vida para subires às árvores que não subiste, jogar à bola, namorar o que não namoraste, andar aos coices, fazer as asneiras que não fizeste. A injustiça do que te aconteceu levou-te a passar muito daquele que devia ser o melhor tempo da tua vida no hospital e em tratamentos violentíssimos. Graças a Deus tudo indica que vais ficar bem e é tua obrigação aproveitar a tua vida com uma força do catano. Um abraço para ti e para a tua mãe que foi incansável.
BORA LÀ PUTO!"
Hugo Falcão

12 de novembro de 2012

Para ti, minha querida Madrinha

Esta nota (escrita no meu facebook) é dedicada à minha querida Madrinha que foi educadora de infância mais de 30 anos e que eu adoro.

Ser educador é pintar o mundo de todas as cores
É poder fazer sorrir as crianças
É vê-las crescer...
É ajudá-las a aprender.


Ser educador é profissão de amor
E deixar em cada criança
A lembrança de um mundo melhor.

Ser educador é ser poeta
É ser pintor,
É ser palhaço,
É ser actor.

Ser educador é ser criança
É ser adulto
É ter esperança.

Ser educador é...
Ser transmissor de verdades,
De inverdades...

Ser cultivador de amor,
De amizades.
Ser convicto de acertos,
De erros.

Ser construtor de seres,
De vidas.
Ser edificador.
Movido por impulsos, por razão, por emoção.
De sentimentos profundos,
Que carrega no peito o orgulho de educar.
Que armazena o conhecer,
Que guarda no coração, o pesar
De valores essenciais
Para a felicidade dos “seus”.
Ser conquistador de almas.
Ser lutador,
Que enfrenta agruras,
Mas prossegue, vai adiante realizando sonhos,
Procurando se auto-realizar,
Atingir a sua plenitude humana.
Possuidor de potencialidades.
Da fraqueza, sempre surge a força
Fazendo-o guerreiro.
Ser de incalculável sabedoria,
Pois “o valor da sabedoria é melhor que o de rubis”.
Esse é o valor de ser educador.

Por fim o educador deve ser...
Criativo como Picasso
Poliglota
Rápido como um relâmpago
De uma resistência a qualquer prova
Alegre,
Terno como um pintainho
Além disso, deve ter...
Uma memória de elefante
Uma paciência de anjo
Resistência a qualquer prova
Olhos à volta da cabeça
Um filtro nasal
Resposta automática integrado
Um microfone incorporado
Umas costas largas
Orelhas biónicas com controlo de intensidade
Oito braços como um polvo
Um coração como Phil Latulippe
Dedos de fada
brincar como os pequeninos...
Pernas de atleta
Uma bexiga de cinco litros
Um sistema imunitário revolucionário
Uma mulher orquestra!

Basta um sorriso, um abraço e todo o stress passa e dá vontade de continuar, de inovar e de por fim sorrir, rebolar pelo chão e brincar como os pequeninos.

9 de novembro de 2012

Guns N' Roses - November Rain



Porque não esta musica para um dia como o de hoje, chuvoso e de Novembro...

It's Not Goodbye - Sweet November



Se nunca viram este filme, vejam, é qualquer coisa de fabuloso...

8 de novembro de 2012

Quanto mais conheço as pessoas, mais gosto dos animais...


(este texto foi escrito por mim há cerca de um ano atrás, uma nota partilhada no meu facebook, dedicado aos meus amigos que gostam de animais, a todos os animais abandonados e à minha PIPAS de quem tenho muitas saudades...)
Quando tudo corre realmente mal, quando fico desesperada, quando penso em desistir, quando me desiludem e me desiludo, quando caio, quando choro, quando grito, quando odeio o mundo e esse Deus em que já não creio... ou creio, sei lá!
Percebo que a felicidade existe mesmo nos pequenos momentos que muitas vezes deixamos escapar.
Como quando chegava a casa cansada e desfeita, descrente e amarga e o meu cão (a minha PIPAS) me recebia como se nada mais existisse para além de nós, do prazer de estarmos juntos e de ele me encher de beijos e de baba até eu me render, me esquecer que o mundo está cheio de pessoas de merda e me sentir a mulher mais afortunada do universo!
Nos pequenos momentos que estamos com os nossos animais nos apercebemos do que realmente é importante e faz sentido para nós.
É nos pequenos momentos que nos consciencializamos que a nossa vida é demasiado insignificante para ser desperdiçada com pessoas que nada valem, que nada alcançam, que nada Amam...
É nos pequenos momentos que nos entendemos e nos conhecemos pois é precisamente nesses momentos que valorizamos os outros por aquilo que representam para nós e por aquilo que conseguem mudar em nós...
É nos pequenos momentos que através de um pequeno "sorriso" de um animal nos deparamos com a mais pura realidade... que somos egoístas, egocêntricos e reconhecemos o valor onde ele nem sempre existe...!
A grandeza? A riqueza? As "coisas"?
Para um animal não fazem qualquer sentido...
Um abraço, um salto ou uma bola de lã para desenrolar já lhes enche o coração de felicidade...!
É triste pensar na capacidade irracional que as pessoas, no nosso país mais concretamente, têm de abandonar animais como se fossem um jornal já lido, já sem sentido, já isento de sentimento e de conteúdo...
É triste pensar no que os animais sofrem desnorteados numa procura incessante pelos seus donos...
É triste pensar que os animais lutam mais para nos encontrar e para nos "saborear" do que nós a eles...
Contudo, ainda existem pessoas que os sabem Amar e Respeitar.
BEM HAJA A TODOS OS QUE AMAM OS ANIMAIS
UM AGRADECIMENTO AOS QUE ME AJUDARAM A ENCONTAR A MINHA GATA MIFFY, HÁ DOIS MESES ATRAS
E AOS VETERINÁRIOS QUE CUIDAM DOS MEUS ANIMAIS TODOS (CÃES, GATOS, CHINCHILAS, PASSAROS, TARTARUGAS E PEIXES), É PARA VOCÊS ESTA MINHA NOTA!
OBRIGADA DO FUNDO DO MEU CORAÇÃO

7 de novembro de 2012

Ana Carolina & Seu Jorge - É isso Aí



É isso aí!
Um vendedor de flores
Ensinar seus filhos a escolher seus amores...

Luan Santana - Amar não é pecado



Até gostava de ir ver este concerto na próxima sexta feira... mas não posso ir a todos... vou ouvindo no youtube...

Eco do Silêncio de Cecília Vilas Boas

Este é o meu livro de momento, o que está na minha mesa de cabeceira... um livro a não perder, estou a ler e estou a adorar.
O 1º livro (Âmber e Mel) da mesma autora tem umas palavras na página 69 que tocou-me muito, sobre uma avó, que saudades tenho eu da minha querida avó Laurindinha.
É com muito prazer que partilho convosco um pouco sobre a minha Amiga Cecilia...

Cecília Vilas Boas. Nasceu em Paio Pires, mas vive em Lisboa há mais de duas décadas. É secretária de Administração numa empresa de Engenharia de Transportes. Descobriu recentemente o prazer da escrita, e até hoje não parou. Publicou a sua primeira obra, Âmbar e Mel - Janelas de Poesia, em 2011. Como co-autora, participou na antologia poética Entre o Sono e o Sonho e, mais recentemente, na colectânea Contos do Nosso Tempo. Deu a conhecer a sua escrita publicamente no blogue «OceanoAzul.Sonhos», permitindo aí que as palavras se soltem de si e vagueiem pelo mundo literário. “A poesia dá-me as asas metafóricas de que preciso para continuar a sonhar. É na escrita que marco encontros sigilosos com o meu ser, ouvindo-o e dando-lhe voz, através das palavras.Sou, muitas vezes, o vazio, o desencanto e a ausência de mim própria. Mas também a esperança, a força, o sonho e a tranquilidade. A poesia é o sândalo do meu espírito, onde busco as emoções desprovidas de escudos. É o recanto onde aprendo a silenciar momentos e a ouvir a voz da minha alma. Recolho-me no silêncio das palavras, para me encontrar e, assim, sair de mim.”

4 de novembro de 2012

Adele - Set Fire To The Rain



Mais um momento musical da telenovela - Avenida Brasil

3 de novembro de 2012

Telenovela - Avenida Brasil



Desde o século passado que não assistia a uma telenovela, mas estou rendida a esta história de amor entre duas personagens, o Batata e a Ritinha, que se conhecem no lixão.