18 de outubro de 2011

Parabéns Luis

Tu que estás sempre presente, em todas as horas, mesmo quando estás longe.
Tu que me animas quando estou triste e me estendes o lenço quando derramo alguma lágrima;
tu, o único que as vês cair e que sabes ficar em silêncio apenas a agarrar na mão, enquanto eu desabafo.
Aquele que consegue realmente que eu fale do que me preocupa, do que me atormenta.
És especial! Muito especial.
E eu adoro-te por seres quem és - a pessoa que és: ternurenta, meiga, preocupada com as pessoas que te rodeiam, o carinho, o ombro amigo, a pessoa com quem sei que posso falar de tudo.
Sei que, se pudesses, irias em busca daquilo que eu gostaria de ter, apenas para não me veres preocupada.
Tu sabes que eu também sinto assim, não sabes?
Sabes do que me estou agora a lembrar?
Da forma como nos conhecemos, não sei bem há quanto tempo, 28 anos ou mais?
Na praia, estava eu a fazer topless, lol!
Tínhamos uma diferença de 4 anos que na altura fazia alguma "distância".
Eu era uma teenager e tu já um homenzinho, ahahahahah
Olhaste para mim, e ...

Sabes que te desejo as maiores felicidades.
Desejo que tenhas na vida tudo o que mais queres.
Obrigada por seres assim, obrigada por existires e por teres entrado na minha vida.
Só te quero ver feliz, infinitamente feliz.

FELIZ ANIVERSÁRIO

Um beijo enorme

Eu sou uma sem vergonha...

É, sem vergonha de sorrir de alegria, sorrir sem querer, sorrir com o canto da boca, sorrir quando imagino, sorrir quando lembro.
Sem vergonha de viver...
Viver do meu jeito, viver do seu jeito, viver assim, viver sozinha, viver junto de quem eu bem entender.
Sem vergonha de sonhar...
Sonhar com o futuro, sonhar com o passado, sonhar com alguém, sonhar o impossível, sonhar com a realidade.
Sem vergonha de pedir...
Pedir ajuda, pedir conselhos, pedir perdão, pedir licença, pedir socorro, pedir um beijo.
Sem vergonha de perguntar... A hora, o nome, de perguntar se ainda se lembra, se ainda quer.
Sem vergonha de contar... Os minutos, a verdade, um sonho, uma piada ou uma história.
Sem vergonha de ser... Ser branco, ser negro, ser diferente, ser eu mesma ..

Sem vergonha de ser FELIZ!