28 de junho de 2011

Aniversário do meu Filho

Faz hoje 15 anos que fui mãe pela primeira vez.
Sentei-me no computador para escrever coisas bonitas e acima de tudo sinceras, a primeira é que te amo muito filho.
Hoje é um dia muito especial para mim e para ti, sim, é o TEU 15º ANIVERSÁRIO.
Há 15 anos atrás o dia nasceu mais alegre e iluminado
Todos os pássaros saudando o dia com suas canções.
As flores se abriram mais cedo e mais coloridas
O sol dissipou o orvalho e aqueceu a manhã com seus raios.
O céu de um azul suave, tudo parecia mais bonito
As palavras ficam ínfimas, por que já foram muito usadas
Mas preciso dizê-las, desejo que sejas muito feliz, continua procurando o melhor caminho, com alegria e entusiasmo, com amor e esperança, continua sendo esta pessoa maravilhosa e hábil em lidar com tudo e com todos.
Lembro-me dos teus primeiros movimentos no meu ventre, pareciam umas cóceguinhas na minha barriguinha.
Só tenho que te agradecer porque continuas a ser uma das duas coisas mais importantes e preciosas que já ganhei, o aniversário é teu, mas o presente continua sendo o meu.
AMO-TE com todo meu coração.
Toda a felicidade do mundo ainda é pouco perto do que te desejo...
És muito especial e nunca permitas que alguém te diga o contrário.
Um beijinho enorme para ti meu FILHO

25 de junho de 2011

Para as minhas Comadres



Carmo - um beijinho muito grande e as tuas melhoras. Vais conseguir enfrentar esta batalha.

Marina - obrigada por tudo... beijoca grande.

15 de junho de 2011

Sou MULHER e adoro

... e porque hoje (nem todos os dias estamos com o nosso EGO tão para cima) me sinto realmente uma verdadeira MULHER, aqui ficam algumas frases:


Simplesmente porque sou EU - UMA MULHER

Ser mulher é viver mil vezes em apenas uma vida,
é lutar por causas perdidas e sempre sair vencedora,
é estar antes do ontem e depois do amanhã,
é desconhecer a palavra recompensa apesar dos seus actos.

Ser mulher é caminhar na dúvida cheia de certezas,
é correr atrás das nuvens num dia de sol e alcançar o sol num dia de chuva.

Ser mulher é chorar de alegria e muitas vezes sorrir com tristeza,
é cancelar sonhos em prol de terceiros,
é acreditar quando ninguém mais acredita,
é esperar quando ninguém mais espera.

Ser mulher é identificar um sorriso triste e uma lágrima falsa,
é ser enganada e sempre dar mais uma chance,
é cair no fundo do poço e emergir sem ajuda.

Ser mulher é estar em mil lugares de uma só vez,
é fazer mil papéis ao mesmo tempo,
é ser forte e fingir que é frágil p'ra ter um carinho.

Ser mulher é se perder em palavras e depois perceber que se encontrou nelas,
é distribuir emoções que nem sempre são captadas.

Ser mulher é comprar, emprestar, alugar,
vender sentimentos, mas jamais dever,
é construir castelos na areia,
vê-los desmoronados pelas águas e ainda assim amá-las.

Ser mulher é saber dar o perdão, é tentar recuperar o irrecuperável,
é entender o que ninguém mais conseguiu desvendar.

Ser mulher é estender a mão a quem ainda não pediu,
é doar o que ainda não foi solicitado.

Ser mulher é não ter vergonha de chorar por amor,
é saber a hora certa do fim, é esperar sempre por um recomeço.

Ser mulher é ter a arrogância de viver apesar dos dissabores,
das desilusões, das traições e das decepções.

Ser mulher é ser mãe dos seus filhos e dos filhos de outros e ama-los igualmente.

Ser mulher é ter confiança no amanhã e aceitação pelo ontem,
é desbravar caminhos difíceis em instantes inoportunos
e fincar a bandeira da conquista.

Ser mulher é entender as fases da lua por ter suas próprias fases.
É ser "nova" quando o coração está a espera do amor,
ser "crescente" quando o coração está se enchendo de amor,
ser cheia quando ele já está transbordando de tanto amor
e minguante quando esse amor vai embora.

Ser mulher é hospedar dentro de si o sentimento do perdão,
é voltar no tempo todos os dias e viver por poucos instantes
coisas que nunca ficaram esquecidas.

Ser mulher é cicatrizar feridas de outros e inúmeras vezes deixar
as suas próprias feridas sangrando.

Ser mulher é ser princesa aos 20,
rainha aos 30,
imperatriz aos 40 e especial a vida toda.

Ser mulher é conseguir encontrar uma flor no deserto,
água na seca e labaredas no mar.

Ser mulher é chorar calada as dores do mundo e em
apenas um segundo já estar sorrindo.

Ser mulher é subir degraus e se os tiver que
descer não precisar de ajuda, é tropeçar, cair e voltar a andar.

Ser mulher é saber ser super-homem quando o sol nasce
e virar cinderela quando a noite chega.

Ser mulher é ter sido escolhida por Deus para colocar no mundo os homens.

Ser mulher é acima de tudo um estado de espírito,
é uma dádiva, é ter dentro de si um tesouro escondido
e ainda assim dividi-lo com o mundo!